'Aqueles que Têm Poder'

Rodrigo Abecasis Fernandes

A perplexidade de Empson
perante o número de possíveis interpretações suscitadas pelos termos fundamentais do soneto de Shakespeare merece alguma atenção. A dúvida expressa não se deve a algo que normalmente seja identificado como um problema de linguagem, visto não se tratar de uma dificuldade que advenha de uma ou mais palavras desconhecidas, ou de sentidos ocultos em palavras conhecidas.

Ler

Antes de Toda A Memória do Mundo

Cesar Kiraly

A relação entre a arte contemporânea e a política é estreita. Os efeitos de captura da política sobre a arte são bem evidentes. Mas o que é menos claro é que constitui a arte contemporânea a potência de intervir e explicitar a política. Podemos dizer que a política é dependente disso, para seu
próprio bem.

Ler

Estilo e Indivíduo

Humberto Brito

Existir como autor depende,
para Fernando Pessoa, de se existir como indivíduo, o que depende de se possuir um estilo próprio distintivo. O que de maneira nenhuma se deve a existir como «pessoa viva». A de Pessoa é uma concepção desnaturalizada de ‘autor’ e de ‘indivíduo’, em que se baseia a sua forma poética fundamental: a forma da pessoa.

Ler

Deterioração

Alberto Arruda

#JUVENÍLIA

Quando dizemos: “sei a causa
do meu descontentamento”, não estamos a aludir a nenhum mecanismo causal mas a um critério que nos dá o valor de determinadas práticas. E a importância de um critério está relacionada com uma regularidade, que faz com que alguém precise de uma justificação para uma nova interpretação de uma ‘cara’ em particular. Eis dois aspectos centrais para a noção de ‘regra’ e ‘seguir regras’ nas
Aulas Sobre Estética.

Ler

Leia também as recensões

mais recentes da Forma de Vida